sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

PRF FLAGRA CASAL COM ARMA DE FOGO EM CASTANHAL

Um jovem de 24 anos de idade, identificado como Richarlis Ribeiro Teixeira, foi preso pelo Grupo de Patrulhamento Tático da Polícia Rodoviária Federal (PRF), na madrugada desta quarta-feira (17) durante ação de fiscalização na rodovia BR-316. O condutor portava ilegalmente uma arma de fogo com munições.

Os agentes da PRF realizavam ronda quando no quilômetro 66 da BR-316, no município de Castanhal, avistaram uma motocicleta com seus dois ocupantes sem o uso do capacete de segurança. Durante os procedimentos de fiscalização os policiais constataram que a condutora da motocicleta, Geiseiane Monteiro do Nascimento, 25 anos, não era habilitada, o veículo estava com licenciamento vencido e ao revistarem o passageiro, Richarlis Ribeiro Teixeira, marido da condutora, encontraram em sua cintura, por dentro da calça, uma Pistola de calibre 6,35 mm sem a numeração de identificação, com sete munições intactas.

Após averiguações e consultas nos sistemas de dados foi constatado que o suspeito não era habilitado e que não tinha autorização legal para porte e transporte de arma de fogo e munições.

Ao ser questionado sobre a origem da arma, o suspeito informou ter adquirido a arma de fogo pelo valor de R$ 1.200,00 em uma feira no município de Castanhal conhecida como "Feira do Troca Troca" , para proteção própria, pois já teria sido assaltado junto com sua esposa em frente a sua residência por indivíduos armados, onde na ocasião, teriam levado sua motocicleta e pertences.

(DOL, com informações da PRF)

EM MARACANÃ, HOMEM É PRESO COM PEDRAS DE OXI

Policiais militares lotados no município de Maracanã, região do salgado, prenderam um homem acusado de ser traficante. Na casa do acusado foi encontrado certa quantidade de entorpecente. A prisão ocorreu na tarde de ontem depois que o sargento Walace, comandante do destacamento de Maracanã, recebeu uma ligação anônima informando que uma casa, situada na rua Anísio Negrão, estava sendo usada como ponto de venda e fabricação de entorpecentes.

O cabo A. Costa e os soldados Sabino e Menezes se dirigiram até o endereço denunciado e, durante revista minuciosa feita no interior do imóvel, encontraram 9 pedras de oxi de cocaína. "Encontramos somente essas pedras de oxi, mas na casa eram preparadas outros tipos de entorpecentes, segundo denuncias", contou Walace.

Manoel da Conceição Leitão foi conduzido à delegacia de polícia e autuado por tráfico de droga ficando à disposição da justiça.

Reportagem: Tiago Silva

MOTOQUEIROS MATAM HOMEM COM 7 TIROS

Mais um assassinato foi registrado na delegacia de polícia do centro da cidade de Castanhal, nordeste do Pará. Dessa vez o crime ocorreu no bairro Ianetama e teve como vítima um jovem de 20 anos, morto com pelo menos sete tiros pelo corpo. Os assassinos, que ainda não foram identificados, fugiram numa motocicleta.

Segundo testemunhas, Wanderson dos Reis Ribeiro, 20, seguia para casa quando na rua Maria Gorete foi surpreendido por dois homens que já se aproximaram efetuando disparos de arma de fogo. O primeiro tiro teria atingido o olho esquerdo de Wanderson que ainda conseguiu correr e tentou pular um muro para escapar da morte, mas não conseguiu. Caído ao chão, o jovem foi alvejado por pelo menos mais seis disparos de arma de fogo. Em seguida, os atiradores fugiram em alta velocidade numa motocicleta do modelo e placa não anotados.

A vítima ainda respirava, mas não conseguia falar quando curiosos chegaram no local. O Corpo de Bombeiros foi acionado e conduziu o ferido entre a vida e a morte para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24 Horas). Wanderson não resistiu e morreu minutos depois de dar entrada na UPA. Os assassinos ainda não haviam sido presos até o fechamento desta edição.

A Polícia Civil ouvirá testemunhas oculares e parentes da vítima para tentar obter pistas e nomes dos criminosos. A polícia ainda tenta descobrir se Wanderson dos Reis Ribeiro tinha algum envolvimento com o mundo do crime ou se o mesmo possuía inimigos.

Reportagem: Tiago Silva

ADOLESCENTE É ESFAQUEADA POR ASSALTANTES

Em Castanhal, no nordeste do Estado, um casal foi preso acusado de ter tentado assaltar duas pessoas em via pública. Uma das vítimas foi esfaqueada durante a ação criminosa. O fato ocorreu na periferia da cidade, por volta das 11h30min de anteontem.

Acusados
Segundo testemunhas, mãe e filha trafegavam tranquilamente pelo bairro Jaderlândia quando de repente surgiu um casal de criminosos anunciando um assalto. Eles tentaram roubar pertences pessoais das vítimas, mas não conseguiram. Não conformada, a assaltante desferiu duas facadas na cabeça da garota de 13 anos e ainda tentou cortar o pescoço da menina. Ao perceber a chegada da população enfurecida, o casal fugiu em uma bicicleta.

A adolescente foi socorrida e levada para um hospital público da cidade. Ela passa bem. A mãe dela procurou a delegacia para registrar um Boletim de Ocorrência (B.O) e acionou uma guarnição da Polícia Militar, que conseguiu prender os acusados logo em seguida.

Silvana Neves Freitas, 20, e Augusto de Oliveira, 28 anos, foram conduzidos à 12ª Seccional do Bairro Jaderlândia, onde a delegada Claudilene Maia os autuou com base nos crimes de tentativa de assalto e tentativa de homicídio. Silvana foi recolhida para o presídio feminino de Ananindeua e Augusto para o presídio de Castanhal.

Reportagem: Tiago Silva

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

LABORATÓRIO DE DROGAS É "ESTOURADO" NO TAUÁ

Uma operação em conjunto entre as policias civil e militar resultou na apreensão de uma boa quantidade de entorpecente e na apreensão de um possível adolescente suspeito de ser traficante. A ação policial foi deflagrada no município de Santo Antônio do Tauá, nordeste do Estado. A polícia também contou com a ajuda de populares, que denunciaram a "Boca de Fumo".

Após receberem várias denuncias anônimas, via fones 181 e 190, dando conta que em uma casa acontecia a venda intensa de entorpecentes, policiais civis e militares formaram equipes e se deslocaram até o endereço. Os agentes da lei fecharam o cerco não dando a menor chance de o acusado escapar. Dentro do imóvel foram encontradas 143 "petecas" de pasta base de cocaína e mais 100 gramas da mesma substância.
Na delegacia o detido se apresentou como
sendo adolescente. "A casa era um verdadeiro laboratório de drogas, onde eram produzidas maconha e pasta base de cocaína. No imóvel encontramos barrilha leve, solução de bateria, balança de precisão e baldes plásticos, onde a cocaína era batida", disse um dos policias que participou da operação.

Reportagem: Tiago Silva

POLÍCIA PROCURA MOTORISTA QUE TRANSPORTAVA CARGA CONTRABANDEADA

No início da noite de anteontem uma equipe da Polícia Militar apreendeu uma carga de cigarros, possivelmente contrabandeada de outro país para o Brasil. A carga de alto valor foi encontrada na divisa dos municípios de Castanhal e Inhangapi, região nordeste do Pará. Ninguém foi preso.

Por volta das 19h30min, policiais militares do grupamento Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas (Rocam) se deslocaram até a rodovia PA-136 para verificar uma colisão envolvendo dois veículos. No local se encontrava apenas o motorista de um carro popular. O mesmo apresentava escoriações pelo corpo. O motorista de um carro de luxo havia fugido do local.

Dentro do carro de luxo foram encontrados documentos pessoais no interior de uma bolsa feminina e uma pulseira masculina de ouro. Os agentes não imaginavam que também iam encontrar 500 maços de cigarros divididos em 21 caixas de papelão. Notas fiscais dos produtos não foram encontradas.

O veículo foi guinchado e a carga foi levada à delegacia do centro da cidade de Castanhal e apresentada ao delegado Rodrigo Galende. "Mercadorias que entram no país sem o devido recolhimento de impostos e que são vendidas ilegalmente configuram crime de descaminho dentre outros crimes contra a ordem tributária", explicou o policial civil.

Os maços de cigarros ficaram de ser encaminhados para a sede da Receita Federal, em Belém, para que a Polícia Federal investigue o caso.

Reportagem: Tiago Silva

ADOLESCENTE É MASSACRADO E MORTO A GOLPES DE TERÇADO

Um adolescente, conhecido pelo apelido de "Nego Bala", foi brutalmente assassinado a terçadadas na manhã de ontem, em Castanhal, cidade do nordeste paraense. A vítima seria usuária de drogas e teria envolvimento com o mundo do crime. O assassino ainda está foragido.

Logo que clareou o dia de ontem, policiais militares receberam uma ligação anônima, via 190, dando conta que uma pessoa morta se encontrava caída nos fundos do quintal de uma residência situada na Rua Célia Maciel, no bairro Heliolândia. O sargento Josemar se deslocou com sua equipe até o endereço e encontrou o corpo de um rapaz todo cortado. Tratava-se do adolescente Denilson de Souza Gusmão, o "Nego Bala", de 17 anos.

"Ele foi morto com várias terçadadas pelo corpo. Os golpes deceparam o braço esquerdo e a orelha direita da vítima. Os golpes também atingiram as pernas, braços, costas e pescoço. O assassino deveria estar com muita raiva para provocar esse massacre", contou Josemar.

O pai da vítima esteve no local e teria dito à polícia que seu filho seria usuário de drogas e que a família já teria tentado de todas as fomas possíveis tirá-lo do vicio. A PM informou que o adolescente era conhecido pela prática de assaltos, principalmente contra coletivos. Moradores da Rua Célia Maciel disseram ao DIÁRIO que não perceberam movimentação estranha ou gritos de pedido de socorro durante a madrugada.

O crime está sendo investigado pelo delegado Patrício Pontes, titular da Divisão de Homicídios (D.H).

Reportagem: Tiago Silva